Você é influenciável?

Ser influenciável equivale a ser persuadido, manipulado e impressionável pelos outros. Ou seja, o tal Maria vai com as outras.

O fato é que isto traz grandes prejuízos, pois muitas vezes você pode tomar uma decisão, que na verdade não é adequada.

Sem dizer que ao ser influenciável pelos outros, pode causar dores emocionais, psicológicas e até mesmo físicas.

Pois quando estas pessoas não estiverem bem, provavelmente você também não estará. Isto faz um grande mal para a saúde em todos os níveis e sentidos.

Então por amor a você, treine ficar mais forte todos os dias, porque quando chegar neste nível, pode até ficar perto das pessoas com dificuldades, no entanto, o mal delas não chegará até você.

Para treinar esta força, a primeira coisa que precisa fazer é trabalhar a sua identidade própria e o poder pessoal. Na sequência coloque os outros para fora de você, afinal, você precisa se pôr no centro da sua vida. No Brasil temos a mania cultural de colocar os outros e os problemas dos outros, dentro de nós. E isto não ajuda em nada, porque daí ao invés de ser uma pessoa só, com problema, teremos duas, você que pegou o problema e a pessoa que originalmente está com o problema.

Até para ajudar, primeiro é preciso buscar a neutralidade, caso contrário, não conseguiremos fazer muita coisa.

Treine a frieza, isto mesmo, a frieza. Já pensou se os médicos fossem emocionais e pegassem os problemas dos pacientes? Como eles iriam operar, sendo emocionais? Você confiaria em um médico emocional, ou iria preferir um médico mais frio, para fazer a sua operação, ou a operação de alguém da sua família? Reflita a respeito disto.

 

Para o bem da sua saúde, desenvolva a frieza para deixar de ser tão influenciável. Pratique, volte a ser quem era, entenda que se pôr em primeiro lugar, fará um bem danado, para você e para a população, porque será uma pessoa a menos, para contaminar o meio ambiente com pensamentos negativos e muitas vezes mórbidos. Busque a sua paz, equilíbrio e serenidade. Aprenda a se pôr em primeiro lugar, o mundo agradece!

Bibliografia sugerida: Gratidão um estilo de vida (Louise Hay). Praticando o poder do agora. (Eckhart Tolle). Um novo mundo. O despertar de uma nova consciência. (Eckhart Tolle).

 

Até o próximo artigo!

Um forte abraço.

Adriana Mantana

Coach de Mulheres & Terapeuta ThetaHealer® articulista do Jornal Diário da Manhã e Colunista da Revista Coach Me. site: http://totalmentemulher.com.br/

 

 

Deixe o seu email e receba as nossas últimas NOVIDADES!!

Responsive image

Adriana Mantana


Deixe seu comentário, dúvida ou sugestão

Campos obrigatórios são marcados com *