Cuide da sua relação, como se fosse a primeira vez.

Um filme de 2004. Henry Roth (Adam Sandler) é um veterinário paquerador, que vive no Havaí e é famoso pelo grande número de turistas que conquista. Seu novo alvo é Lucy Whitmore (Drew Barrymore), que mora no local e por quem Henry se apaixona perdidamente. Porém há um problema: Lucy sofre de falta de memória de curto prazo, o que faz com que ela rapidamente se esqueça de fatos que acabaram de acontecer. Com isso Henry é obrigado a conquistá-la, dia após dia, para ficar ao seu lado.

Gosto muito deste filme pois gera uma grande reflexão em torno dos relacionamentos afetivos.

A questão da rotina e da previsibilidade. O que podemos fazer para inovar em uma relação a dois?

O que fazer para não deixar que o tempo sufoque a acabe com algo tão bonito e bom?

Qual o impedimento de termos melhores relacionamentos?

Relacionar com o outro é em primeiro lugar saber se relacionar consigo mesmo, sem isto os relacionamentos estão fadados ao fracasso.

Se estivermos incompletos iremos procurar saciar nossa carência com algo que não temos controle algum (o outro). Daí vem a dor, pois se apegar ao outro e entregar a vida para uma relação é pedir para sofrer. O único controle que temos é sobre nós mesmos, o resto é ilusão de nossa cabeça.

Um relacionamento deve ser algo bom e leve, se estiver difícil e pesado pare tudo, algo está errado. Você merece um relacionamento maduro, de paz, cumplicidade, sinceridade e amor. Mas para ter isto, olhe para você primeiro. Você está em paz interiormente? É sincera (o) com você? Você se ama de verdade?

Ter um relacionamento significativo começa em nosso interior, cuidar e curar de todas as nossas feridas.

Caso contrário o ciclo irá se repetir e a dor não vai embora, ela vai aumentar.

Enfrentar a dor e o problema com olhos de compaixão.

Ter mais carinho e amor ao se tratar.

Fique do seu lado, apoie-se.

Não fuja da dor, buscando outras pessoas para aliviar o seu peso interior, este trabalho é seu.

A sua vida é o reflexo do que você faz dentro de você.

Saiba conduzir suas relações.

Viva sua vida como se fosse a primeira vez.

Entenda o seu passado e diga: O meu passado não tem mais força sobre mim.

Perdoe e desista de sofrer.

Seus relacionamentos irão te agradecer.

Não há nada de errado com você.

Entenda que você faz o melhor que pode, pare de se bater e se criticar, isto não resolve a situação.

Cuide de você da mesma forma que cuida da pessoa que mais ama.

Não tolere o desrespeito, a indiferença e maus tratos.

Mas primeiro veja se você não faz o mesmo com você, pois só assim irá acabar definitivamente com isto.

A vida te trata, como você se trata.

O primeiro passo é parar de culpar o(a) parceiro(a), assuma a sua vida por completo, isto vai te dar um grande poder.

Tenho um grupo no WhatsApp de Coaching e Terapia só para Mulheres, que faço um trabalho diário através de áudios que eu gravo no grupo, com exercícios práticos, que ajudam as participantes em suas maiores dificuldades, por ser um grupo terapêutico ele é pago, caso queira obter maiores informações de como funciona, basta adicionar o número 62 9.8161.0529 e dizer qual a sua dúvida.

Cuide de si e se ponha em primeiro lugar, afinal se você não se valorizar ou amar, te garanto que ninguém fará isto.

Tudo é reflexo.

Não se coloque em último lugar, o preço é alto demais e não vale a pena.

Tire esta brasa da mão agora e tenha uma ótima vida.

Amar pode dar certo, desde que você se ame primeiro.

Bibliografia sugerida: As cinco linguagens do amor (Gary Chapman). O Desafio de amar (Stephen & Alex Kendrick). Como fazer o amor dar certo (Steven Carter). O poder do agora. (Eckhart Tolle). Um novo mundo. O despertar de uma nova consciência. (Eckhart Tolle).

 

Até o próximo artigo!

Um forte abraço.

Adriana Mantana

Coach de Mulheres & Terapeuta ThetaHealer® articulista do Jornal Diário da Manhã e Colunista da Revista Coach Me.

 

Deixe o seu email e receba as nossas últimas NOVIDADES!!

Responsive image

Adriana Mantana


Deixe seu comentário, dúvida ou sugestão

Campos obrigatórios são marcados com *